O que não fazer na sua loja de veículos

O que não fazer na sua loja de veículos

Você batalhou muito para economizar dinheiro e começar sua própria loja de veículos. Todo esse esforço deve ser valorizado em forma de cuidados com a sua loja. Ela representa tudo o que conquistou.

Além disso, com o crescente aumento da crise financeira, muitas pessoas têm deixado para comprar seus veículos só em último caso. Por isso deve-se estar muito atento a cada cliente. Alguns erros são cruciais e podem prejudicar a performance de sua equipe de vendas. Assim, enumeramos alguns para ajudá-lo a evitar prejuízos no dia a dia em sua loja de veículos. Acompanhe:

Anunciar um automóvel com o preço errado

De todos os erros, esse é o que pode prejudica a sua loja de automóveis diretamente. Tome o máximo de cuidado possível para que isso não aconteça. Se possível, verifique o preço duas ou três vezes antes de anunciar. Pois, uma vez que a mídia passar a veicular o anúncio, não há como recuperar o dinheiro, mesmo mandando cancelar a propaganda.

Infelizmente esse risco é constante. Mas como proceder em caso de anúncio de carros com o preço errado? Com base em casos reais, de agências de publicidade que anunciaram carros com metade do valor original, o certo a se fazer é ser sincero e admitir o erro.

Mentir falando que todas unidades já foram vendidas é um tiro no pé e pode piorar ainda mais a situação. Seja sincero com seus clientes. Diga que infelizmente houve um engano e o preço correto não é aquele. Se possível, dê algum brinde e um desconto real em algum automóvel para que ele não se sinta prejudicado por ter perdido tempo se locomovendo até a sua loja de veículos.

Para evitar transtornos há ferramentas que auxiliam na gestão e publicação de anúncios, como é caso da plataforma Revenda Mais que possuí o módulo Integrador Web que realiza a validação e publicação de anúncios em vários portais ao mesmo tempo.

Analisar o comprador erroneamente

Quantas vezes não ouve-se histórias de vendedores que julgaram o visitante de uma loja de veículos por causa de sua aparência. E esse visitante tinha todo dinheiro necessário até para comprar o veículos à vista.

Roupas, linguajar, personalidade não querem dizer nada a respeito de poder de compra. E mesmo se fossem sinônimos de dinheiro, cada visitante deve ser tratado de forma igual. Assim você cultiva a simpatia de possíveis futuros compradores.

Abordar o possível comprador da forma correta

Muito cuidado ao abordar o comprador de sua loja. Muitas pessoas sentem-se acuadas por abordagens agressivas. Por mais que elas pareçam ser efetivas, você nunca saberá quantas pessoas deixaram de comprar por causa desse aproach mal sucedido.

Aborde o possível cliente com respeito, responda suas dúvidas com bons argumentos e seja simpático. Mentir sobre o carro, forçar a venda de algo que ele não quer pode ser uma forma de fechar uma venda agora, mas de afugentar para sempre um cliente.

Deixar os problemas pessoais afetar o trabalho

É comum o vendedor brigar com sua esposa ou outra pessoa e ir trabalhar afetado emocionalmente. Quem trabalha com o público não pode-se dar esse luxo. Cada conversa deve ser permeada de simpatia e bom humor para efetuar boas vendas e fidelizar o cliente.

E então, gostou do nosso post? Para receber nossas atualizações com muitas outras dicas para a sua loja de veículos, basta curtir nossa página do Facebook. Esperamos você por lá!