A Honda Automóveis do Brasil (HAB) registrou no primeiro semestre de 2013 o seu melhor resultado de vendas desde que iniciou as atividades como fabricante no país, há 15 anos. Ao todo, foram vendidos no período 65.127 carros, superando a marca histórica anterior, de 61.577 veículos em 2009. O resultado representa um crescimento de 13,2% em relação ao primeiro semestre do ano passado.

Um dos destaques foi o Honda Civic, veículo que consolidou-se como líder absoluto do segmento de sedãs médios. Em janeiro, a empresa lançou a versão 2014 do modelo, com nova motorização 2.0 e tecnologia sem o subtanque de partida a frio, o que impulsionou ainda mais as vendas no país. Foram comercializadas 26.192 unidades, caracterizando um crescimento de 20,5% no comparativo com os seis primeiros meses de 2012. Os demais veículos da marca também apresentaram aumento em suas vendas em relação ao ano anterior. O Fit registrou crescimento de 38,4% e o City, 42,5%.

Entre os lançamentos apresentados em 2013, em abril a empresa iniciou a comercialização da CR-V bicombustível, também com o diferencial da tecnologia sem o subtanque de partida a frio. A nova tecnologia faz parte do conceito Honda Flex One, que representa o empenho da Honda em inovação para mobilidade sustentável, aliando alta performance com baixo consumo de combustível e emissão de poluentes para todas as gerações de produtos.

No mês de julho, foi a vez de o novo Accord chegar às concessionárias. O modelo retorna ao mercado brasileiro nas versões EX L4 2.4l e EX V6 3.5l. Ainda entre as ações para impulsionar o crescimento no mercado brasileiro, até o final de 2013 a empresa inaugurará um novo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento nas dependências de sua fábrica, em Sumaré (SP). Com o investimento de 100 milhões de reais em instalações e equipamentos, a nova unidade terá como objetivo otimizar o desenvolvimento de produtos com foco nos consumidores locais.