Faltando poucos dias para o prazo final exigido pelo governo federal, os consumidores terão especificadas todas as informações referentes aos tributos federais, estaduais e municipais nas notas fiscais de venda ao consumidor de mercadorias e serviços. Os usuários do Revenda Mais, como as revendas de veículos, podem ficar tranquilos pois o sistema já inclui a funcionalidade. O início da obrigatoriedade dessa nova sistemática de emissão de notas é o próximo dia 10 de junho.

A base legal para a medida está na Lei 12.741/12. A norma obriga que as notas fiscais informem o valor dos impostos embutidos no preço de produtos ou serviços adquiridos pelo consumidor. A lei sancionada estabelece que deverão ser identificados sete tributos: Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), PIS/Pasep, Cofins, Contribuições de Intervenção no Domínio Econômico (Cide), Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e Imposto sobre Serviços (ISS). A lei foi uma iniciativa popular que reuniu mais de um milhão de assinaturas coletadas pela campanha nacional De Olho no Imposto, da Associação Comercial de São Paulo.